quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Amigas do peito

É tão bom abrir o blog e ler palavras tão bonitas!
Tenho que admitir que isto de ter blog é um vício. Sempre que dá, passo por aqui para ver se há alguma novidade. E depois, claro, abro os outros. Hehe.
Manuela, não é cancro inflamatório, apesar de ter ficado com a minha menina um pouco inchadita.
Agora vou contar mais umas coisinhas sobre mim.
Sou angolana, vivi durante 11 anos em Lisboa. Estive cá a estudar. Tirei biologia marinha e fiz um mestrado na mesma área. Voltei a Luanda em outubro de 2005. Comecei a dar aulas na faculdade de ciências. Estava tudo a correr lindamente. Para ser sincera, nunca me imaginei a dar aulas, mas depois de ter começado, descobri a minha vocação. Quando tudo estava a correr bem, aconteceu este pequeno imprevisto. Sim, porque é assim mesmo como eu vejo isto. Temos de ter consciência que é uma doença grave, que precisamos de cuidados, mas tudo passa. Ainda quero fazer tanta coisa na vida!
Sinto muita falta do meu trabalho. Os colegas, os estudantes do 1º ano sedentos em aprender coisas novas, dos cafés, enfim... tenho colegas espectaculares e uma chefe cinco estrelas. Tá tudo à espera que eu volte. Isso dá-me muito ânimo para ir em frente.
E pronto. Mais uma coisinhas da Loulou.

3 comentários:

Manuela disse...

Ainda bem que não é inflamatório. São um pouquito mais manhosos!

Aproveita aqui a nossa terra que logo, logo voltas para a tua.

Já que és de Angola, vou-te dar o endereço de uma médica muito querida que me parece que é das tuas bandas:

http://shahzworld.blogspot.com/

Jocos

Ah, tens razão: isto dos blogues é viciante!
Hihihihihi

BiChOs Do MaTo disse...

Olá Loulou
sou eu a Lara.
Sabes tb sou Angolana, nasci mesmo em Luanda. O meu pai e o meu tio paterno tb são, mas nasceram na Gabela e a minha tia materna na Catumbela. Acho que são esses os nomes.
O meu pai adorava voltar lá. O meu tio esteve em Angola com as tropas das Nações Unidas há uns anitos e adorou poder ver tudo, embora esteja um pouco diferente.
Eu nasci lá em Agosto 1975, mas em Outubro vim para para Portugal, por isso não conheço nada.
É bom poder ter alguém com quer conversar sobre a nossa terra.
bjs grandes
Lara

Fernanda disse...

Colega querida:
Na salinha do café, com o bolinho das 31 velas sobre a mesa, cantaremos juntas em Janeiro. É esse o programa. Mais a "reforma curricular", que é o assunto da actualidade! E se hoje aprendes esses nomes de que te queixas (biafine, coisas assim!) mas que te vão por fina, não falta muito terás que relembrar os outros, os dos estranhos animaizinhos com que pões as cabecinhas dos meninos do 1º ano à roda! Luanda estará, como sempre, agitada e barulhenta, para teu consolo.
Hoje vai um xi-coração apertado, aqui do Lubango.
Fernanda