sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Uma ida ao Jardim Zoológico



Hoje tive uma tarde óptima. Fui com o Ricardo ao jardim zoológico e foi muito giro, apesar do calor insuportável.

Vimos o espectáculo dos leões marinhos e dos golfinhos e lembrei-me logo da Anixinha. Como ela se deve ter divertido...

Agora andamos numa de animais e estamos a pensar ir no domingo ao Fluviário de Mora. Também deve ser giro.

Deixo-vos com um pouco de tango... autoria do Ricardo... Beijocas

video

O PRIMEIRO DIA



A principio é simples, anda-se sozinho

passa-se nas ruas bem devagarinho

está-se bem no silêncio e no burburinho

bebe-se as certezas num copo de vinho

e vem-nos à memória uma frase batida

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida


Pouco a pouco o passo faz-se vagabundo

dá-se a volta ao medo, dá-se a volta ao mundo

diz-se do passado, que está moribundo

bebe-se o alento num copo sem fundo

e vem-nos à memória uma frase batida

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida


E é então que amigos nos oferecem leito

entra-se cansado e sai-se refeito

luta-se por tudo o que se leva a peito

bebe-se, come-se e alguém nos diz: bom proveito

e vem-nos à memória uma frase batida

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida


Depois vêm cansaços e o corpo fraqueja

olha-se para dentro e já pouco sobeja

pede-se o descanso, por curto que seja

apagam-se dúvidas num mar de cerveja

e vem-nos à memória uma frase batida

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida


Enfim duma escolha faz-se um desafio

enfrenta-se a vida de fio a pavio

navega-se sem mar, sem vela ou navio

bebe-se a coragem até dum copo vazio

e vem-nos à memória uma frase batida

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida


E entretanto o tempo fez cinza da brasa

e outra maré cheia virá da maré vazia

nasce um novo dia e no braço outra asa

brinda-se aos amores com o vinho da casa

e vem-nos à memória uma frase batida

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida.


(Sérgio Godinho)

quinta-feira, 30 de agosto de 2007

Grande almoçarada no dia 1 de Setembro

A partir das 13 horas de sábado, Lisboa vai tremer com o grande encontro de bloguistas! Preparem-se para a farra, meninas e meninos!

Para quem diz que a net não presta, como lembrou bem a nossa Aida, BUH!!!!!

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

O papi já se foi


O meu pai volta hoje para Luanda, depois de ter estado mais de 3 meses comigo. Passei óptimos momentos com ele. Foi uma grande companhia, naquelas secas todas de exames, consultas, tratamentos. Coitado, ele que detesta hospitais... Mas ele volta no fim de setembro, para mais uns dias e vou ter cá a minha linda mami em outubro. Têm sido uns pais fantásticos durante este tempo todo, sempre a tentarem com que eu tenha sempre algum deles ao meu lado.
Agora fico cá com o meu Ricardo, e ainda bem que ele já acabou de escrever a tese, para passearmos um bocadinho.
Pai e mãe, vocês são para mim um exemplo! Que coisa maravilhosa poder contar convosco nos dias tristes e também nos mais felizes de minha vida. Obrigada por tudo!

domingo, 26 de agosto de 2007

Um pouco de rock

Adoro Xutos e Pontapés e lembrei-me especialmente desta música para alegrar o domingo.
É para todos nós, guerreiros, com um carinho especial para a nossa guerreira Anixinha!

Vitória no Afrobasket


Angola está em festa. A hora é pois de cantares e bailados, num ambiente em que são chamados todos os filhos desta pátria, que em compensação do seu passado, de triste memória, são realmente merecedores de vitórias retumbantes como esta que nos enche a todos de orgulho.
(In: Jornal de Angola online)

VIVA ANGOLA!

sábado, 25 de agosto de 2007

VIVA ANGOLA!


Hoje a selecção angolana de basquetebol vai tentar conquistar o seu 9º título africano.


O campeonato africano está a ser disputado em Angola, e com muita pena minha, não consegui ver os jogos da minha selecção. Somos campeões de 5 títulos consecutivos, e deve ser das coisas que mais alegria dá ao povo angolano, apesar da vida dificil, das guerras travadas, da pobreza...

Aqui vai uma grande força aos Palancas! Força Angola! Viva Angola!


sexta-feira, 24 de agosto de 2007

Crianças: as preciosidades do mundo

As sessões de radioterapia estão a correr bem, e felizmente, não tenho apanhado secas. Numa hora tou livre, já com tempo de espera e sessão. Amanhã lá vou eu, mesmo sendo sábado. É que eu comecei numa terça e tenho que fazer 5 por semana.
O que me tem custado mesmo é ver crianças doentes, à espera do tratamento. Hoje vim de lá particularmente triste. Custa tanto ver aquelas criaturas inocentes.... não sou mãe, e nem sei o que é para uma mãe ou um pai saber que o filho está doente, e que para ele ficar bom precisa de passar por uma experiência dessas.
Soube hoje que as crianças são anestesiadas todos os dias para se conseguir fazer a radioterapia nelas! Vieram-me as lágrimas aos olhos, quando a técnica me disse isso.
Ser criança significa correr, brincar, comer gelados e bolachas, e não andar em hospitais, tratamentos, seringas!

Aproveito aqui para desejar as melhoras a todas crianças, que tudo corra pelo melhor!

quarta-feira, 22 de agosto de 2007

E o óscar vai para...





Estava a faltar um post sobre o filme que mais me marcou até agora: E tudo o Vento Levou!
Um filme excepcional, um filme tão à frente do seu tempo que parece ter sido produzido ontem. Ele possui todos os ingredientes de um bom filme: uma bela história, uma brilhante direcção, um excelente argumento, um elenco impecável e uma maravilhosa fotografia.


"... Tara! ... Lar. Irei para o meu lar e pensarei numa forma de tê-lo de volta! Afinal, amanhã é um novo dia!"

terça-feira, 21 de agosto de 2007

Quase Doutor - Parte II



Um update: o Ricardo (meu lindo namorado) entregou hoje a tese de doutoramento! Só falta agora esperar calmamente pela defesa. Um grande VIVA!

Adoro-te, meu lindo!

Paul Newman

Bem, eu sei que o homem tá velho, mas digam-me com sinceridade: há/houve actor mais lindo que ele??? Os olhos mais azuis que alguma vez vi... colírio para os olhos...

As primeiras radiações


Então lá fui eu apanhar com as primeiras radiações. Como sempre, apanhei uma grande seca... Às 10 fui fazer análises e depois o tratamento seria às 11. Chamaram-me às 11:30, mais ou menos, o que eu não achei nada mau. Mas não era já para o tratamento. Era para a médica pintar-me toda. Sai de lá rosa choque, muito gira:)
Depois, por volta da 1 da tarde, chamaram-me para o dito tratamento. Não demorei quase tempo nenhum, talvez uns 15 minutos, no total. Fui radiada em três sítios diferentes.
No fim, lá me disseram para evitar sabão e água na zona, e foi aí que perguntei pelo creme. "Creme? Não, agora ainda não", a técnica respondeu. "Daqui a 2 semanas tem consulta com a Dra., e nessa altura, ela fala-lhe nisso". Mas eu vou pôr o creme sim. Evito não tirar as pinturas rupestres, e toda a gente fica feliz. Eu porque tou a cuidar da minha rica pele, e elas porque continuo pintada.
Vou ter os tratamentos às 9:30 da manhã. Comecei ao mesmo tempo que uma rapariga, o que é bom, porque tenho companhia. Ela já foi operada, correu tudo bem. Mais outra amiga do peito :-). Conversámos um pouco antes dos tratamentos, mas vamos ter tempo para mais. 7 semanas....
E cá está a aventura de hoje.

Beijinhos e obrigada pela força, suas fofoqueiras. Palavras da amiga Manuela :-) mas perguntem, deixei comentários, que eu adorooooooo!!!

segunda-feira, 20 de agosto de 2007

Caetano Veloso - Leãozinho

A minha linda mãe andou às voltas para transferir uma música de um cd para o pc. A música é esta, mas cantada pela Maria Bethânia. Mandou-me por e-mail, que era para eu pôr aqui no blog.
Mãe mais linda do mundo, não encontrei cantada pela Bethânia, mas aqui está pelo Caetano.
Para ti, com todo o meu amor.

Radioterapia

Amanhã começo a radioterapia. Uma nova etapa nesta caminhada para a cura...
Sinto-me calma, já tive tempo para me mentalizar. Com a quimio não foi nada assim.
Comecei a quimio assim que sai da primeira consulta com a minha médica. Fiquei um pouco em choque. Senti a mão da minha mãe no meu ombro, enfrentei bem, e felizmente, passei bem os 8 tratamentos que tive pela frente.
Vou levar um livro. Já fiquei vacinada com a espera para a consulta de há 2 semanas.
Se tiverem dicas, por favor, escrevam! Já tive algumas dicas num post anterior.

sábado, 18 de agosto de 2007

SCPPPPPPPPP!!!!


E ora aí está a primeira vitória do campeonato.


Sporting olé! Só eu sei porque não fico em casa... Lá, lá, lá....


sexta-feira, 17 de agosto de 2007

SCP


Começa hoje a época 2007/2008, com o grande SCP.


Vamos rugir a nação com cor de Leão!


Quase Doutor :-)

Ontem passei um dia muito bom. Diria mesmo, muito feliz.
Estive com uma grande amiga minha, colega de faculdade, que é da Madeira. Com ela, é farra na certa. Almoçámos juntas no Corte Inglês, estivemos para lá a passear e depois fomos até à Avenida de Roma. Gaja que é gaja, tem sempre que shoppingar! Ri-me muito com ela, ou seja, diverti-me mesmo muito.
E para acabar em grande este dia maravilhoso, tive uma notícia há muitos meses esperada. O meu lindo namorado (aquele que me deixou uma declaração linda aqui num dos post) tem praticamente o doutoramento feito! Yupiiiiii! Ontem o Prof. dele disse-lhe que a tese tá pronta, que ele ponha a imprimir e entre de férias.
Ele andou 5 anos nisto do doutoramento, sempre a trabalhar imenso, com alegrias, algumas frustrações pelo meio e também desespero. Os últimos meses foram complicados para ele. Ficava os dias todos no técnico, não parava para nada e a minha doença também não veio ajudar em nada. Felizmente, isso tá ultrapassado, e ele é quase doutor!! Um grande VIVA!
Ontem disse-lhe: "amor, só falta eu ficar boa". Ele sorriu-me. Adorei aquele sorriso. Cheio de esperança, ternura e muito, muito amor.
Uma etapa está ultrapassada. Falta aqui a amiga Loulou ficar curada para continuarmos esta jornada juntos. E que jornada!
VIVA, VIVA, VIVA!

quarta-feira, 15 de agosto de 2007

É oficial

Dia 21, terça feira, começo a radioterapia. Soube ontem. Lá vou eu apanhar umas radiações para me pôr fina. E como sempre, acredito que tudo vai correr bem.

terça-feira, 14 de agosto de 2007

Gostei muito deste vídeo. Acho que está muito bem feito e a música cantada pela Marisa Monte é linda!

Um grande VIVA a todas nós!

Apesar de tudo, adoro ser MULHER!

A Rosa - Uma homenagem às mulheres

Shania Twain-You're Still The One (Live)

Adoro esta música! Tem um significado especial para mim...

domingo, 12 de agosto de 2007

A minha experiência com a queda do cabelo


Já foi há uns meses que fiquei sem cabelo. Decidi relatar aqui essa experiência, que penso que poderá ajudar outras pessoas que estejam a passar por isso, ou que virão a passar.

Eu tinha o cabelo comprido, bastante mesmo. Já não o cortava há uns 7 meses...
Assim que fui fazer o primeiro tratamento de quimioterapia, as enfermeiras do hospital dia disseram-me que, na maioria dos casos, o cabelo cai ao fim de 15 dias após o primeiro tratamento. Comecei a mentalizar-me para isso...
Cortei o meu cabelo pelas orelhas mesmo à risca, ao fim de 15 dias. A minha cabeleireira ficou surpreendida por eu querer um corte mais curto. Nestes anos, eu sempre queria apenas escadear o cabelo ou fazer umas franjas. Expliquei-lhe a situação. Ela fez-me um corte muito giro.
Logo a seguir, uns dias depois, comecei a ver cabelos na almofada, na roupa, no chão. Parecia que tinha virado uma gata!
Fui com a minha mãe a uma casa de cabeleiras. A menina lá disse-me que o cabelo estava mesmo a cair, e melhor era rapar a pento 1 e sair de lá com uma cabeleira. Não quiz rapar logo, mas acabei por comprar uma cabeleira e sai de lá com ela já posta. Sinceramente, não gostei. Acho que comprei um pouco à pressão.
Nesse mesmo dia, cheguei a casa e pedi ao meu namorado que me cortasse o cabelo. Ele cortou-me com pente 4, e não é que fiquei toda gira?! Gostei imenso de me ver com cabelo super curto. Só dizia, que se soubesse, já teria rapado antes.
O cabelo continuou a cair, e passado uma semana, ele rapa-me a pento 0. Pronto, fiquei oficialmente careca! Não me senti mal.
Nunca usei a dita cabeleira. Uso lenços, tenho de várias cores, e foi uma grande desculpa para ir às compras.
Não ter cabelo não foi traumatizante para mim. O que mais me custou e ainda custa, são as falhas nas sobrancelhas e a ausência de pestanas. Eu era tão pestanuda... Tive que me habituar e uso uns truques de maquilhagem para disfarçar. Não saio de casa sem os olhos pintados, e todos os dias conjugo o lenço de acordo com a minha roupa.
Gaja que é gaja, tem de estar sempre linda.
Pela minha experiência, aconselho a cortar logo o cabelo. Acho que a transição faz-se melhor.
Os meus cabelos estão a voltar aos poucos, já desde junho, mais ou menos. Alguns mais fracos que outros. Também só acabei a quimio há umas 5 semanas. Acredito que brevemente, os meus lenços irão com o vento...

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Os meus 30 anos

"Fazer 30 anos é passar da recta à curva.
Fazer 30 anos é passar da quantidade à qualidade.
Fazer 30 anos é passar do espaço ao tempo.
É quando se operam maravilhas como a um cego em Jericó.
Fazer 30 anos é mais do que chegar ao primeiro grande patamar. É mais que poder olhar pra trás.
Chegar aos 30 é hora de se abismar.
Por isto é necessário ter asas, e sobre o abismo voar."
Affonso Romano de Sant'Anna

Encontrei na net e gostei.
Esperava ansiosamente para ter 30 anos. O ano passado andava em pulgas: "em janeiro faço 30 anos", dizia eu a toda gente. E os 30 anos chegaram. Fiz uma grande festa, com tudo a que tinha direito.
Só não sabia o que viria a seguir. Foi exactamente um mês depois do meu aniversário (11 de janeiro) que comecei a batalha para continuar nos 30... Nessa altura, só dizia: "eu queria tanto chegar aos 30 e olhem para isto!". Não era justo.
Mas tou aqui, com força para passar os 30, os 40, 0s 50...

quarta-feira, 8 de agosto de 2007

A 1ª consulta de radio...

Bem, nem sei como consigo escrever alguma coisa. Tou super cansada.
Hoje fui à primeira consulta de radio. Estava marcada para as 10 da manhã...
Aquilo começou bem. Para já, estava à espera num sítio, quando me dizem para ir para outro. Pronto, até aí, tudo bem. Depois oiço o meu nome a ser chamado, vou lá a sala, e a técnica diz-me que tenho que voltar à sala de espera. Tinha sido um engano.
Ao fim disto tudo, às 11 e tal, sou chamada para a consulta. A médica examina-me, aquelas coisas todas, e então diz-me que farei 7 SEMANAS de radioterapia! Sabia que seriam algumas sessões, mas não assim tantas. Tenho que ficar à espera, porque agora não têm vaga para mim. Daqui a mais ou menos 2 semanas vão-me ligar. Mas pronto.
Mas gostei da médica e ela disse o que a minha de oncologia já me tinha dito. Que a quimioterapia tinha dado muito bem, e que tudo estava a encaminhar-se bem.
Mas não acabou por aqui. Volto para a sala de espera, para me chamarem para o dito planeamento da radioterapia. E aí é foi a grande seca. Fui chamada às 13:45! não estão bem a ver. O meu pai já sei posição na cadeira, o meu querido namorado que também resolveu aparecer, cheio de fome e eu, nem se fala...
O planeamento correu tudo nos conformes e já tenho aqui no meu corpito as famosas tatuagens...
Depois disto tudo, fui almoçar e agora vou descansar uma pouquito....

Beijos

terça-feira, 7 de agosto de 2007

Um alívio ao nosso lindo Planeta Terra


No dia 10 de Agosto de 2007, entre as 19h55 e as 20h00, propomo-nos apagar todas as luzes para dar um alívio ao planeta.


A proposta partiu de França. Se a resposta for massiva, a poupança energética pode ser brutal.


Só 5 minutos, a ver o que acontece.

segunda-feira, 6 de agosto de 2007

Olha o pópó!

Bem, isto é demais!
Estava eu muito bem a ver fotografias de Luanda, quando dou com esta!
Para começar, podem ver bem o caos que é o trânsito na minha querida terra, mas o engraçado não é isso. É que tá ali um carro que podia ser muito bem o meu! E se calhar até é!
Fartei-me de rir, que não resisti e fiz uma brincadeira.
E um VIVA à net, que permite estas coisas. Assim, o tempo vai passando enquanto faço estas maluqueiras.
Abram este site: http://fcmx.net/vec/v.php?i=003702

Está muito giro! Um grande VIVA às mulheres!

Tou de volta!

O fim de semana foi óptimo. Aquilo foi comer, conversar e rir bastante. Os primos todos são o máximo. Adoro estar com eles.
No sábado fui dar um pé de dança de tudo. Fui com duas primas à disco. Divertimo-nos bastante as três.
Foi bom para carregar baterias. Começo a radioterapia brevemente. 4ª feira volto ao IPO para a consulta de radio... tou um pouco nervosa, mas acredito que tudo vai correr bem.
Passei bem com a quimio, não será a radio a pôr-me em baixo. Era o que mais me faltava!
Já sei das tatuagens, das pinturas no corpo, do biafin... As coisas que uma pessoa aprende quando tem uma doença destas! Tantos nomes, tantos exames, bolas!

Beijocas a todos e uma boa semana

sexta-feira, 3 de agosto de 2007

Rodrigo

"O Rodrigo nasceu hoje às 11 e correu tudo bem". Recebi esta sms às 11:30. Saltei (não tanto como queria, porque os pés inchados não permitem) e fiquei num estado que parecia uma criança que tinha acabado de receber um brinquedo novo.
Não devem estar a perceber nada. Então é assim. O Rodrigo é o primeiro filho de uma grande amiga minha, a Tânia. E quem me mandou a msg foi o Ricardo, pai do Rodrigo.
É claro que tinha de ir logo à maternidade. Disseram-me que as visitas eram entre as 14 e as 16 h. Mas aqui a amiga percebeu tudo mal. Li que eram entre as 16 e as 18! às 15 e tal, resolvi ler melhor a a msg e aí é que vi! ENTRE AS 14 e as 16!! Fiquei para morrer. Peguei no carro e ele quase que voava, directa à maternidade. Chego lá, dou o nome da minha amiga e dizem-me que ela ainda não tinha ido para o quarto. Achei aquilo tudo muito estranho. Toca de ligar ao pai da criança, que me diz que vai ter comigo lá fora. Passado uns minutos, o Ricardo liga-me a perguntar onde andava eu. Moral da história. Eu fui para a Alfredo da Costa e a criança e respectivos pais estavam na Estefânia!!! E isto eram quase 4 da tarde.
Toca de ir a correr para a Estefânia. Consegui entrar, vi o Rodrigo e a Tânia. O Rodrigo é piriri e a Tânia está linda, com um cansado, claro, mas tão sereno. Fiquei lá um bocado e toca de vir a correr para casa, porque agora vou de fim de semana. Vou a Viseu, para casa de uns primos do meu pai.
Portanto, já sabem, só voltarei na segunda. Queria deixar isto, antes de ir.

Uma grande beijoca e bom fim de semana

Luanda


Amanhã vou cantar pr'a todo o mundo ouvir

Que tenho ainda esperança

Vou sonhar, vou sorrir, vou dançar

É trazer muitas saudades


Amanhã vou falar pr'a toda a gente lembrar

Que tenho muitas saudades

E para não mais chorar

Quero voltar para Luanda


Deixei minha gente

Também minha terra

Trouxe as saudades

E as recordações

E para não mais chorar

Contigo vou dançar

Comigo vem sonhar

Ai como é bom


Refrão

Ai ué saudades

Ai ué saudadesAi ué saudades

São saudades de Luanda


(Saudades de Luanda, Irmãos Verdades)

quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Cavalos Marinhos


Mais um herceptin... esperei 1 hora, mas lá dentro o tempo passou rápido.

Agora uma coisa linda: CAVALOS MARINHOS! São os animais mais lindos.
A minha tese de mestrado estava para ser sobre essas criaturas lindas, então tive a oportunidade de ver e estudar durante uns largos meses esses animais. Infelizmente, a coisa não deu certo, os cavalos apanharam uma doença e eu não consegui concluir o trabalho. Mas não me esqueci. Assim que puder, voltarei ao meu material de estudo preferido.

Os cavalos-marinhos são peixes particularmente interessantes e peculiares. Entre as suas singularidades, incluem-se a forma única do corpo, o modo invulgar como nadam – na vertical – e a sua biologia reprodutiva - é o macho quem incuba os ovos.
Actualmente existem cerca de 35 espécies de cavalos-marinhos com uma extensa distribuição mundial. São tipicamente costeiros e habitam as águas calmas de mares tropicais e temperados de África, América do Norte e do Sul, Europa e Austrália. Vivem associados a recifes de coral, a fundos povoados por algas ou a mangues.
A biologia reprodutiva dos cavalos-marinhos é absolutamente fascinante e única. São os únicos animais conhecidos em que é o macho a ficar “grávido”. Como se poderá definir esta “gravidez”? Durante a época de acasalamento, desde o início da Primavera até ao Verão, os cavalos-marinhos machos movem-se para as águas pouco profundas próximo da costa e aí estabelecem o seu território. As fêmeas movem-se pelos territórios até escolherem um potencial companheiro, através da apresentação, por parte destes, de rituais de corte e de “pistas” visuais e químicas. Uma vez escolhido o parceiro permanecem juntos durante a época de acasalamento e muito provavelmente durante toda a sua vida.

Uma curiosidade: Hippocampo pode ser o nome de cavalo marinho bem como a do ser mitológico, metade cavalo, metade peixe, com o mesmo nome.

Amigas do peito

É tão bom abrir o blog e ler palavras tão bonitas!
Tenho que admitir que isto de ter blog é um vício. Sempre que dá, passo por aqui para ver se há alguma novidade. E depois, claro, abro os outros. Hehe.
Manuela, não é cancro inflamatório, apesar de ter ficado com a minha menina um pouco inchadita.
Agora vou contar mais umas coisinhas sobre mim.
Sou angolana, vivi durante 11 anos em Lisboa. Estive cá a estudar. Tirei biologia marinha e fiz um mestrado na mesma área. Voltei a Luanda em outubro de 2005. Comecei a dar aulas na faculdade de ciências. Estava tudo a correr lindamente. Para ser sincera, nunca me imaginei a dar aulas, mas depois de ter começado, descobri a minha vocação. Quando tudo estava a correr bem, aconteceu este pequeno imprevisto. Sim, porque é assim mesmo como eu vejo isto. Temos de ter consciência que é uma doença grave, que precisamos de cuidados, mas tudo passa. Ainda quero fazer tanta coisa na vida!
Sinto muita falta do meu trabalho. Os colegas, os estudantes do 1º ano sedentos em aprender coisas novas, dos cafés, enfim... tenho colegas espectaculares e uma chefe cinco estrelas. Tá tudo à espera que eu volte. Isso dá-me muito ânimo para ir em frente.
E pronto. Mais uma coisinhas da Loulou.

Muito Obrigada

Quero agradecer a todas "amigas do peito" que me deixaram comentários lindos no blog. Precisamos de toda a força possível, mesmo de pessoas que não conhecemos.
Hoje tenho mais uma sessão de herceptin, às 4:30 da tarde. As enfermeiras são espectaculares e fazem com que o tempo passe a correr.

Grande beijinho a todas

quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Cá vai

O que se passa comigo é o seguinte: há 6 meses que me foi diagnosticado cancro da mama! Desde essa altura que tenho passado bastantes horas na internet, e foi aí que encontrei o blog das super glamorosas e estive a ler a estória da Claúdia. Depois desse blog, apareceram outros. Nunca tive coragem para comentar, mas decidi ontem abrir o meu. Todas nós temos uma coisa em comum: QUERER VIVER e haverá outras tantas por aí espalhadas.

Em relação à notícia que tive, a reacção foi esquisita. Acho que estava à espera... não chorei, não gritei. Segui em frente, fui logo fazer os exames que o médico me requisitou na altura e voltei para casa de mota com o meu namorado. Ele sim, ficou para morrer. Eu é que tive que o acalmar... coitado...

Em relação à doença, a coisa não estava famosa. Na minha idade (30), estas coisas são muito agressivas, mas felizmente, as coisas estão a andar. Fiz 8 sessões de quimioterapia e acabei há 3 semanas.
Estou a fazer o herceptin de 3 em 3 semanas e vai durar durante 1 ano. Para a semana, começo coma radioterapia. Ham, sim, é verdade. Eu ainda não fui operada. Os médicos prefiriram começar assim, por ser muito agressivo e estar inflamado no início.
Felizmente, a quimioterapia fez o efeito desejado, e a minha mamoca linda já está como a outra :)

E pronto, aqui está a estória dos últimos tempos...