terça-feira, 27 de novembro de 2007

E já se passaram 2 semanas


No dia 12 de Novembro de 2007, dava eu entrada no IPO para internamento. Às 9:00 lá estava eu de mala feita, à espera que alguém viesse falar comigo. Por volta das 11:30, aparece uma enfermeira que me fez umas perguntas um pouco desnecessárias (coisas que supostamente já estavam no meu processo), mostrou-me o meu quarto e a cama. Dessa parte gostei, pois fiquei com a cama mesmo ao lado da janela, o que ajudou muito nos dias que passei naquele hospital. Depois dela, veio a nutricionista perguntar-me sobre alergias, se como de tudo, etc, etc. Nisto, acabei por almoçar mesmo por lá, os meus pais e o Ricas é que almoçaram fora. Sortudos!
Passei a tarde no meu quarto com os meus pais e o Ricas e mais tarde, veio o médico cirurgião chamar-me. Fui até à sala de tratamentos e ele e o cirurgião plástico tiveram a pintar-me, para decidirem melhor o que fazer no dia seguinte.
Jantei cedo, deitei-me a ler um pouco e depois deram-me uns comprimidos para dormir, comprimidos esses que não me fizeram efeito...
No dia seguinte, o dia da grande cirurgia, a única que fiz até agora, acordam-me às 6:15! Porquê?! A cirurgia estava marcada para as 8:30. Nessa altura, eu já sabia que seriam 4 cirurgiões, mais enfermeiros e mais anestesista. Como sempre, aqui a amiga Loulou tinha que dar trabalho, claro!
Pois lá me levantei, tomei banho e vesti uma bata daquelas de hospital frias, frias. Voltei para a cama, a enfermeira deu-me uma coisa para boca e fiquei à espera que me viessem buscar.
Não me lembro da parte de me virem buscar, apenas de já estar com máscara de oxigénio e estarem a dizer-me: respire fundo, respire fundo... e apaguei...
Acordo da operação ainda na sala do bloco e logo cheia de dores! Ui, ui! Soube mais tarde que foram 6 horas de operação, tal como o meu cirurgião tinha dito. Pois é, acordo ainda lá, com ele à frente a dizer-me que me tinham colocado 2 implantes definitivos! Na altura, achei que estava a sonhar, mas depois, quando já estava na sala de recuperação, consegui comprovar isso. Fiquei super feliz. Eu não sabia, achava que me punham apenas num dos lados.
Vou então para a sala de recuperação, cheia de sede, sem puder beber água, apenas molhar a boquinha com uma esponja e tenho as primeiras visitas. Os meus pais, o Ricas e a nossa linda Manuela.
Estava com dores, sonolenta, mas feliz por tudo ter passado e eu estar viva e bem. A minha querida Catarina também foi ver-me já por volta das 8 da noite.
Não dormi nada bem essa noite, claro. Tiveram que me colocar um tubo de oxigénio no nariz, pois sempre que adormecia, deixava de respirar e fazia disparar a máquina a que estava ligada! Apneia de sono, acho. É claro que acordava eu e os outros colegas de sala.
No dia seguinte voltei ao meu quarto, já depois do almoço, e aí é que começaram as verdadeiras dores... felizmente, já passaram...
E afinal o que me fizeram? Mastectomia bilateral com reconstrução imediata, usando retalhos do músculo dorsal (costas) e colocação de implantes. Dose, né? Tenho usado um soutien especial desde o dia em que fui para o quarto, e ficarei com ele mais 2 semanas, pelo menos.
Tá tudo com óptimo aspecto, a sarar bem.
E pronto, os dois primeiros dias da minha estadia no SPA-IPO foram assim passados. Voltarei com outras histórias...

14 comentários:

isa- retratoiluminado disse...

Grande Loulou... e contas tudo isto como se tivesse sido com outra pessoa. Sem magoa, com coragem, e muito positiva. É assim mesmo, é assim que nos curamos de vez!...com essa esperança no olhar, vais ficar curada, tudo isto não passa de um pesadelo.

Com que então miss Ipo?... o titulo só podia ser teu linda, beijinhos

Isa

cristina j, disse...

Falta dizer que durante essas seis horinhas, eles operavam e tu andavas nas comprinhas...

Parece-me um relato muito natural, tudo bem resolvido entre ti e o teu "corpo", o que é óptimo.

Parabéns pela força, és de facto mais que Miss, és uma verdadeira RAINHA!

Bjinhos

marilu disse...

És Rainha és Miss és sobretudo uma Grande Mulher é assim mesmo que se mata esse malvado;

beijinhos

isa guerreiro disse...

olá loulou, continuação de uma boa recuperação.beijos

imel disse...

É assim mesmo, grande mulher!

És um exemplo para todas nós.

Obrigado por existires.

Beijo grande e sempre a melhorar!

Anixinh@ disse...

Ola Loulou , estou mto feliz por ti , por estar td A CORRER bem , alias so podia ser , com a força que tens , e como encaras as situaçoes só podias ser uma vencedora , uma verdadeira rainha ,
continuaçao de boa recuperaçao e desejo te td do bom como se de mim se tratasse ,continua com tda a tua força e esperança .

Reso de boa semana pra ti e mtos bjinhos

Mimas disse...

Bjks, Loulou!

Aida guimarães disse...

Olá Loulozita!!

Miúda, tu és mesmo uma guerreira. Atitudes dignas de uma Grande Raínha!!
Logo, logo já vais andar por aí na night com o teu Ricas.
Concerteza já jogas PlayStation há imenso tempo não é?!

Beijocas grandes e continuação de boa recuperação.

Loulou disse...

Queridas, obrigada pelas palavras. Sou mesmo assim, como todas dizem. Sempre com a cabeça levantada, pronta para enfrentar o bicho! Tem que ser.

Aida, já me conheces... sou sincera, já joguei alguns joguinhos, hehehehehe.

Beijos a todas, amigas.

MARILU disse...

BEIJOS PARA TI TAMBÉM E CONCERVA SEMPRE ESSA FORÇA, É ASSIM QUE SE VENCE A GUERRA E TU JÁ VENCESTE, AGORA RESTA O FIM A VICTÓRIA...

Alda disse...

Querida Loulou, só tu para descreveres com tanta leveza, tudo por que passaste!
És uma verdadeira Rainha!!!
Beijokinhas

Sónia disse...

Não tenho consguido escrever...estava na rectaguarda a torcer por ti!!Estou muito contente por tudo estar a correr bem.Beijinhos

Lígia disse...

Loulou,

A isalretrato iluminado tirou-me as palavras da boca. Estava eu a ler o yeu post e a pensar que de factp és uma grande vencedora. A forma como nos contas a situação parece que estas a contar um filme em que não entras.

Só te posso desejar uma rápida recuperação.

Bjs grandes.

Gigi.

Nela disse...

Olá Linda,

Comento este post já com outras notícias tuas: sei que não tens nenhum gânglio "apanhado" e que o carcinoma não era invasivo... Iupi!
Também sei que a tua segunda mãe (a tua avó Estefânia) faleceu. Que posso dizer-te? Que ela iniciou agora uma nova viagem e uma nova aventura? Que partiu descansada por tu estares bem? Que se irão encontrar outra e outra vez? Isto tudo, tu sabes.
Por isso, não te digo nada. Acendo uma vela para celebrar a tua saúde e para celebrar uma Vida que acabou aqui, mas continua por aí...